Adoro registrar momentos, fatos e experiências do dia a dia

Gerenciar um negócio é aprender a lidar com conquistas e fracassos.

Mãe de João e Ana, todos os dias ensino e aprendo com eles.

Também tenho meus medos, minhas neuras, alegrias e tristezas

MULHER

Conheça a "dona" da essência literária
 

Poeta, escritora, empresária, mãe e... mulher!


Mãe de João e de Ana, Helena começou ainda pequena a transformar seus sentimentos em textos e poemas.

Lançar-se na literatura foi uma 'aventura' que nasceu quase como uma brincadeira...

Às vésperas de comemorar os 70 anos do pai, ela resolveu presenteá-lo – e também aos convidados da festa – com um livro que contava a história do 'Seu Armindo' desde que chegou ao Brasil vindo de Portugal. “Só que essa decisão veio 15 dias antes da data, e foi uma loucura”, lembra-se.
Depois, inspirada, escreveu um novo livro; desta vez, da mãe, Dona Herminda.

A partir de então, escreveu outros tantos de histórias infantis, para os filhos.
E ser feliz é mesmo uma questão de escolha, Helena? “Sim, porque tudo depende de como você enxerga os problemas. Eu também tenho os meus, tenho minhas neuras, faço terapia e sinto-me em um processo de mudanças.

Repensando tudo o que já vivi, percebo que a minha história teve seus altos e baixos, não tenho motivos pra ser infeliz. Hoje me sinto muito mais leve”.

Escritora

Adoro registrar momentos, fatos e experiências do dia a dia.
Posso dizer que o ardor poético aflora em mim com a mesma naturalidade das batidas de meu coração. Mas nem só de poesias alimenta-se meu prazer pela escrita.
Também gosto de escrever crônicas, contos, histórias reais e textos de autoajuda. Basta deixar o pensamento fluir e ganhar vida na tela do computador ou em uma folha branca.
Meu acervo pessoal guarda centenas de textos escritos por mim e que, aos poucos irei disponibilizar aos meus leitores.

 

Empresária

Gerenciar um negócio é aprender a lidar com medos e fracassos.

O grande desafio empresarial vai além do jogo de cintura para driblar a concorrência. É preciso estar em constante movimento para atender às necessidades do cliente, afinal, se bem atendido, ele se fidelizará ao seu negócio.
Vivemos um período que exige tomada de decisão rápida, prática e, de preferência, eficaz. Como empresária, sou desafiada diariamente a acertos e erros, mas tenho que estar preparada para levantar-me rapidamente quando me deparar com possíveis tropeços.
Eu tenho o costume de dizer que estar à frente de um negócio não nos permite perder tempo a “chorar pelo leite derramado”. É preciso reorganizar a bagunça, aprender com os próprios erros e acertar através deles.

 

Mãe

Também tenho meus medos, minhas neuras, alegrias e tristezas.

Quem observa de fora deve imaginar que sou uma fortaleza. Ledo engano...
Minha alma feminina também é assombrada por receios, medos, neuras, angústias e tristezas. Tem horas que eu também preciso de “colo”.
Ser mulher faz-nos assim: fortes guerreiras das batalhas diárias, e frágeis em outros momentos.
Tal qual a rosa que carrega seus espinhos, nós, mulheres também requeremos de cuidados para que continuemos belas no jardim da vida.

 
Me siga também
  • Facebook
  • Instagram
Cadastre-se na minha newsletter

© 2019 por Helena Fraga - Desenvolvido por Multiponto MKT